Compositores

Foto
Obras
Entrevista
Bibliografia
Partituras
Discografia
Áudio
Imagens
Vídeos
Multimédia
Programa Rádio
Programa Televisão
Outros
Dados de intérprete
Maestro e Compositor, Pedro Pinto Figueiredo (n. 1966) concluiu o Curso Geral de Composição da Escola de Música do Conservatório Nacional de Lisboa, e posteriormente terminou o bacharelato em Composição na Escola Superior de Música de Lisboa. Estudou com o professor e compositor Christopher Bochmann, com o compositor Emmanuel Nunes com quem trabalhou em Paris, tendo sido bolseiro da Fundação Calouste Gulbenkian para estudar nesta cidade onde realizou ainda, paralelamente, diversos cursos no IRCAM. Da sua produção musical, salientam-se obras como Germinal, para octeto de sopros e piano, Wake, para clarinete, Myshi, para flauta solo, e Scindite, para clarinete baixo, contralto e orquestra de cordas. Tem tido como prioridade na sua pesquisa musical a utilização das novas tecnologias, principalmente no âmbito do tratamento do som em tempo real e da sua espacialização. Estreou em 2002 a obra Ser para orquestra de cordas, no Festival de Musica Contemporânea de Dunquerque, com a Orquestra Lírica de Paris. Em 1997 iniciou os estudos de Direcção de Orquestra no Conservatório de Dijon na classe do Maestro Jean Sebastian Béreau, tendo conquistado, em 2002, a medalha de ouro do concurso de finalistas do respectivo conservatório. Em 2003 estreia-se em Portugal com a Orquestra Filarmonia das Beiras, e desde então tem dirigido por todo o país. Foi membro da Direcção Pedagógica da Escola de Música do Orfeão de Leiria, onde lecciona actualmente as classes de Análise e Técnicas de Composição, e dirige o Coro de Câmara da Escola. É ainda Docente na Escola de Música de Linda-a-Velha, onde lecciona as disciplinas de Composição, Acústica e dirige um Atelier de Música Contemporânea, professor de Análise e Orquestração na ANSO e dirige a Orquestra dos alunos do Conservatório. Em 2002, iniciou os projectos Orquestra A2M – Arquivo da Memória Musical, e, em 2003, o grupo de música contemporânea Ensemble 20/21.